Tudo sobre Sagitário (22/Nov a 21/Dez)


Sagitário
Elemento: Fogo    Qualidade: Mutável
Regente: Júpiter    Símbolo: Centauro
Modo: Intuição    Lema: Eu filosofo
Atrações: Gêmeos, Áries, Touro, Virgem
Cores: Azul escuro, Bege, Bronze
Plantas: Aspargo, Castanha, Soja
Partes do Corpo: Quadris, Coxas, Fígado, Veias, Sistema muscular

PERSONALIDADES

A personalidade Escorpião-Sagitário é caracterizada pela rebeldia contra a autoridade. Por estranho que pareça, os nascidos nesta cúspide que finalmente se encontram em posições de autoridade são muitas vezes capazes de exercer poder habilmente. Entretanto, de modo geral, os "Escorsagitarianos" se saem melhor quando donos do próprio negócio. Mesmo aqueles que trabalham em grandes empresas ou organizações, ou os que fazem parte de um empreendimento de grupo, funcionam mais eficazmente quando possuem alto grau de autonomia.

Toda personalidade de cúspide encerra elementos conflitantes, sendo influenciada por dois signos adjacentes muito diferentes. As energias de Escorpião (água) e Sagitário (fogo) podem colidir, produzindo distúrbios internos. Tipos sentimento-lntuição, os "Escorsagitarianos" podem carecer da estabilidade da terra e da orientação mental do ar, qualidades necessárias para mantê-los equilibrados.

Muitos nascidos na Cúspide Escorpião-Sagitário são propensos à indisciplina, sobretudo na juventude, quando são talvez dolorosamente conscientes de serem diferentes das outras pessoas. Portanto, podem nem mesmo se preocupar em preparar-se para uma vida mais convencional. Por outro lado, os que são forçados por experiências difíceis a acreditar em si mesmos na juventude, podem de fato adquirir um raro senso de integridade e propósito.

ATRAÇÕES : Pessoas nascidas sob a Cúspide Escorpião-Sagitário sentem-se em geral mais atraídas por pessoas de outras cúspides, sobretudo as nascidas em Peixes-Áries (19 a 24 de março) e Câncer-Leão (19 a 25 de julho).

Conselho: Siga sua visão da vida mas não perca o contato com a dos outros. Mantenha suas intenções honestas e seus motivos puros. Desenvolva a objetividade necessária para distanciar-se e observar a própria vida. Procure perdoar mais e ser menos possessivo.

Pessoas de Sagitário I talvez sejam os indivíduos mais autoconfiantes de todo o ano. De fato, os nascidos neste período exigem liberdade para sentir, pensar e agir de acordo com seu código pessoal de comportamento. No entanto, também ficam muitos satisfeitos em ajudar os que precisam de sua proteção ou apoio - crianças pequenas, adultos desfavorecidos, animais domésticos etc. - sua generosidade e capacidade de dar nesses casos é grande.

Os nativos de Sagitário I não podem ser e não são coagidos. Seu senso intuitivo é altamente desenvolvido, portanto, tendem naturalmente a seguir seus instintos. Assim, às vezes, podem ser bastante impulsivos, até precipitados. Felizmente, embora os nascidos neste período sejam com freqüência atraídos por experiências enlevadoras e idealizadas, também podem se sentir estimulados com aquilo que os outros consideram mundano ou lugar comum.

Para a maioria dos nascidos no período de Sagitário I, a educação escolar e formal não exerce forte atração. Autodidatas em grande medida, estes espíritos livres podem se sentir confinados e restringidos em uma sala de aula, sobretudo quando existem regras rígidas ou comportamento formal. Muitos acreditam que a própria vida é um grande mestre e têm a experiência como seus livros e lições. Embora sejam capazes de devotar sua energia criativa a uma determinada área, podem ao final adotar o credo de que viver bem é a atividade mais criativa. Portanto, os nascidos em Sagitário I que trabalham em empregos comuns em geral dedicam grande parte de sua energia para tornar estimulantes e recompensadores seu tempo livre e seus passatempos.

Passeios com a família, eventos comunitários, atividades esportivas ou simplesmente divertir-se com os amigos - todas ou alguma destas atividades podem se tornar o principal interesse de sua vida. Podem ser por vezes altamente críticos e até mesmo ferozmente satíricos da tolice humana. Entretanto, não vêem a própria ironia e zombaria como negativa ou destrutiva, mas como uma verdade necessária, baseada em uma orientação ética para com a vida. Poucas coisas são mais valorizadas pelos nativos de Sagitário I do que o caráter e a integridade.

Seu desejo de independência e sua tendência a limitar-se a poucos amigos seletos apresentam o risco de condená-lo a uma vida solitária. No entanto, ser só não necessariamente é uma experiência solitária para os nascidos neste período.

Conselho: Esforce-se para manter suas emoções equilibradas. Cuidado para não cultivar uma atitude muito orgulhosa ou muito arbitrária. Controle suas expectativas e procure perdoar mais. Nada há de errado no compromisso ou em perdas ocasionais. Cuidado com sua tendência ao exagero.

Pessoas de Sagitário II são diferentes e não temem demonstrá-lo. É como se o molde em que cada uma foi feita tivesse sido perdido após o uso. São extremamente difíceis de categorizar, uma vez que são muito individuais e suas personalidades complexas desafiam a descrição de várias maneiras. Com freqüência, elas próprias desafiam regras estabelecidas de conduta e códigos sociais, menos devido à rebeldia e mais simplesmente pelo fato de que raramente consideram fazer algo de outro modo que não o seu. De fato, às vezes parece que os nascidos em Sagitário II são incapazes de ser algo a não ser eles mesmos. Conseqüentemente, se tornam as coisas difíceis para os outros, em geral não é sua intenção.

Nem sempre é fácil conviver com pessoas tão individualistas e originais. De algum modo, entretanto, esperam que os outros compreendam seus intrincados processos mentais e seu comportamento tão pouco convencional. Os nascidos em Sagitário II têm uma maneira peculiar de fazer as pessoas "normais" ficarem nervosas. Como são avessos a concessões ou a abrandar sua postura, podem envolver-se em grandes conflitos e serem rejeitados nos relacionamentos pessoais, e também em suas carreiras. O ponto fundamental é se têm ou não tenacidade para perseverar apesar das dificuldades.

Talvez o segredo para os nascidos em Sagitário II seja procurar companheiros e ocupações que se ajustem à sua natureza incomum. Em geral não se preocupam em escusar-se por seus princípios, estilo de vida ou decisões pessoais. Entretanto, ao associarem-se com quem os aprecia têm grande possibilidade de alcançar o sucesso.

A maioria dos nascidos no período de Sagitário II não têm grande interesse em progredir. Alguns simplesmente abandonam metas comuns, talvez cedo na vida, e não se preocupam com o reconhecimento. Paradoxalmente, estas mesmas pessoas podem ser destinadas ao sucesso pela sorte e serão impulsionadas pelos acontecimentos, gostem ou não disso. Não é raro um diligente nativo de Sagitário II desistir de alcançar o sucesso - e repentinamente consegui-lo.

Conselho: Procure sair mais e fazer como os outros de tempos em tempos. Não se esconda, acreditando que ninguém o compreende. Faça um esforço para deixar os outros entrarem em seu mundo privado. Não vire as costas para a vida: mantenha-se atualizado e renove sua dedicação.

Pessoas nascidas no período de Sagitário III tendem a ser personalidades altamente moralistas e expansivas. Pensam grande e seguem uma perspectiva mais ampla. Isto não implica negligenciarem detalhes, pois muitos têm também aptidão para os trabalhos artísticos e são tecnicamente proficientes. Mas normalmente os nascidos neste período se sentem mais à vontade quando colocam suas habilidades a serviço de uma causa elevada - seja social, científica, relacionada à família ou de natureza altamente pessoal.

Os nativos de Sagitário III podem ou não ser fisicamente grande, mas mesmo os de compleição pequena têm uma presença muito marcante. Tal presença pode ser intimidadora para alguns, reconfortante para outros, mas em qualquer caso é difícil ignorá-la.

Muitos nascidos neste período acreditam poder mover montanhas (e às vezes de fato o fazem), mas devem precaver-se para não abrir caminho pela coação. Embora seja difícil confrontar sua força, não obstante encontram grande resistência, a menos que consigam moderar o exercício de seu poder. Em geral, os nativos de Sagitário III não são demasiadamente loquazes, preferindo deixar que suas ações falem por si. Muitas vezes conseguem expressar-se melhor por meio da escrita do que da fala. Precisam aprender a controlar seu temperamento, quando se enfurecem, pois sua ira pode ser realmente amedrontadora. O outro extremo também é possível, quando mergulham em um silêncio mortal. Em qualquer um dos casos, o fator dinâmico por trás de tal comportamento é muitas vezes o medo subjacente de inferioridade ou fracasso. Assim, embora muitos nascidos neste período pareçam poderosos, às vezes até divinos, podem manifestar uma curiosa falta de autoconfiança.

Como em geral respeitam ou levam a sério apenas argumentos provenientes de uma posição de força, amigos, familiares e colegas de trabalho devem assumir uma postura firme com eles. Em geral, os nativos de Sagitário III não correm o risco de conseguir favores utilizando-se de meios desonestos ou desleais - sua forma de persuasão é bastante direta. Não obstante, podem ter de aprender a ser mais diplomáticos, a contornar em vez de bater-se contra os obstáculos. Além disso, precisam dedicar mais consideração a projetos e empreendimentos premeditados e evitar, assim, desperdiçar prodigiosa energia em proposições fadadas ao fracasso.

Conselho: Aprenda a apreciar as coisas simples, os prazeres singelos da vida. Procure ser mais compreensivo com os outros. Aplique seus padrões éticos para si mesmo e concentre mais suas energias no desenvolvimento pessoal. Descubra uma maneira de misturar-se, quando necessário, e evite irritar-se.

Os nascidos sob a cúspide Sagitário-Capricórnio não apenas demonstram talento para apreender o estado futuro das coisas, mas também ajudam a moldá-lo. Uma razão pela qual o futuro, com tanta freqüência, "pertence" a determinados indivíduos nascidos nesta cúspide é que eles se preparam completamente para isso. Os "Sagicapricornianos" são também grandes iniciadores de projetos, capazes de fazer as coisas funcionarem de forma eficiente em um período de tempo excepcionalmente curto. Não são conhecidos, entretanto, por sua paciência com os que não apreciam ou endossam seus planos. Diante da falta de cooperação, estão preparados para seguir em frente sós - decididamente e com toda a gana.

Toda personalidade de cúspide encerra elementos conflitantes, sendo influenciada por dois signos adjacentes muito diferentes. Essa característica é particularmente verdadeira para os nascidos sob a Cúspide Sagitário-Capricórnio de fato, o lado ardente, impulsivo do sagitariano pode colidir com as características mais lentas, práticas e calculistas do capricorniano. Além disso, podem surgir conflitos entre as influências expansivas de Júpiter (regente de Sagitário) e as tendências restritivas de Saturno (regente de Capricórnio). Tipos intuição-sensação, os nascidos sob esta cúspide podem carecer da leveza conferida pelo elemento ar e da sensibilidade da água.

Os "Sagicapricornianos" são muitas vezes indivíduos profundos, solenes, que reconhecem o poder do silêncio. Muitos nascidos sob esta cúspide também têm a capacidade de utilizar este poder como uma extensão eficaz de sua personalidade. Devem tomar cuidado, no entanto, para não alienarem aqueles com quem convivem e trabalham ou cortar linhas de comunicação.

ATRAÇÕES : As pessoas nascidas sob a Cúspide Sagitário-Capricórnio sentem-se em geral mais atraídas por pessoas de outras cúspides, sobretudo as nascidas em Touro-Gêmeos (19 a 24 de maio) e Leão-Virgem (10 a 25 de agosto).

Conselho: Aprenda a moderar seu temperamento. Ao compreender-se melhor estará menos à mercê de seus humores. Esforce-se para melhorar seus relacionamentos sociais e continue auxiliando os outros. Cuidado com a tendência para fechar-se em si mesmo. Permita que seu lado carinhoso e amoroso exerça pleno controle e mantenha seu coração aberto.



Publicações mais recentes