Como iniciar o Autoconhecimento?

É muito importante aprender que para vivermos bem conosco e com o mundo a nossa volta, precisamos preencher 4 lacunas em nossas vidas:


1. Físico

2. Mental

3. Social

4. Espiritual




FÍSICO

É cuidar bem de nosso corpo, no sentido de nos alimentarmos adequadamente, fazermos exercícios regulares, etc. Seja em uma academia, uma caminhada ou trocar o elevador pela escada para subirmos 1 ou 2 andares. Simples mudanças em nossas rotinas que nos farão muito bem, física e mentalmente.

Não estamos focando aqui única e exclusivamente a vaidade ao extremo, que é prejudicial. É importante termos uma vaidade saudável. Aceitar nosso corpo como ele é e não deter toda nossa atenção em nossas imperfeições (se houver ou quando supomos que possuímos tais imperfeições).

Respeitar o limite de nosso corpo, não o expor excessivamente à perigos ou vícios e não o sobrecarregar com trabalhos excessivos que não nos tragam satisfação íntima ou que nos mantém constantemente cansados e sem ânimo. Nosso corpo merece nossa atenção, para que possamos manter um equilíbrio saudável entre nossas atividades, nossa saúde e bem-estar.

MENTAL

É como cuidamos de nossos pensamentos. Mudar a qualidade de nosso pensamento através de uma boa leitura, conversas saudáveis e alegres, programas de TV ou rádio que nos tragam informações construtivas ou entretenimento saudável.

Para saber se o conteúdo é saudável, responda a pergunta: “Você deixaria ou aceitaria que você mesmo, seus filhos, pais, amigos, etc., seguissem ou agissem conforme os comportamentos apresentados dentro desses programas, discussões, livros, etc?”

Mas ao mesmo tempo, estar aberto para coisas novas, procure conhecer novas idéias, descubra os pontos de vista das pessoas que as aceitam e por quê. Esteja aberto para discussões saudáveis com essas pessoas, sem tentar ser rígido quanto a defesa de suas idéias, apenas aceitando que existem pessoas que pensam diferente de você, de forma que no fim, essas conversas ou discussões possam trazer benefícios a sua forma de pensar. Sempre é possível trazer alguma coisa nova a seus conceitos, fazendo você crescer em seus conhecimentos e comportamentos.

SOCIAL

É importante tentar nos darmos bem em nosso meio social, se não pudermos mudar o comportamento de determinadas pessoas, ao menos poderemos evitar ter atritos, mantendo-nos em silêncio em determinados momentos para que possamos evitar explosões desnecessárias e altamente destrutivas entre os membros de nosso convívio.

Mantendo a distância (não necessariamente só a distância física – mudar de casa, de emprego, etc – mas a distância através do pensamento). Essa atitude pode ser repassada para os demais relacionamentos, sejam eles familiares, profissionais, de amizade ou amorosos.

É importante ter consciência de nosso limite no ajuste com determinadas pessoas de nosso convívio social e o limite do outro, pondo em prática o conteúdo da frase: “Viver, Deixar Viver. Para um melhor Conviver”, ou seja, não se desgaste com coisas que não pode mudar, por estarem fora de seu alcance, apenas mude o que você pode em você mesmo, através de seus pensamentos e atitudes.

Por exemplo, se você sente que precisa pedir desculpas para alguém, faça isso. Faça de coração. Mas se a pessoa vai te desculpar ou não, já é com ela. Você fez a sua parte, entendeu? Isso é o que importa.

ESPIRITUAL

É importante termos uma filosofia ou crença em algo ou alguma coisa que nos traga consolo, apoio e lições de moral, que possam nos confortar e nos dar estímulos quando enfrentamos problemas ou quando passamos por uma fase ruim em nossas vidas.

Dessa forma, essa fase ou o problema tornam-se menores do que a gente supõe e assim, acaba por ser mais fácil ultrapassá-los durante esses períodos. Pois, acreditar em algo Superior lhe concede segurança, confiança e vontade de viver.

Por isso, não importa qual é a doutrina na qual você está filiado, a melhor religião é aquela que faz de você uma pessoa melhor. Essa é a função das religiões.

Compartilhe este artigo

Comentários (2)

  • scheila marion figueiró steinert Denunciar

    Gostei muito do texto acima,coisas bem coerentes e fácil de fazer,pois a mudança tem que ser primeiro em nos

  • Bruna do Amaral, Cruz Alta Denunciar

    Fascinante a mensagem... Mostra bem o que precisamos exercitar.

    x)

Faça um comentário

Caso tenha um Perfil ativo no site, entre no Perfil antes para facilitar o preenchimento deste formulário